quinta-feira, 6 de setembro de 2007

Morreu Pavarotti

Morreu Luciano Pavarotti, um dos mais mediáticos tenores de sempre. Famoso pelo trio fantástico que formou com Plácido Domingo e José Carreras mas acima de tudo pelo recorde de lasanhas comidas em 25 minutos. Foram 197, recorde que Fernando Mendes pretende bater antes do seu fígado se desfazer em papa resultado directo das quantidades animalescas de vinho que tem de consumir para dar vazão às ofertas dos concorrentes do preço certo em euros.


A morte do tenor não choca ninguém uma vez que a sua filha vidente previu há algum tempo que o fim poderia estar próximo. Espectacular, ela olhou para um homem já inconsciente, com insuficiência renal e um cancro no pâncreas em fase avançada e disse assim “mi papa vai morreri in brevi”. Fogo! E não é que ela adivinhou? E se pensam que estou a ser irónico não estou. Falei com ela ontem ao telefone, eu estava triste porque Portugal estava praticamente afastado do europeu de basquetebol e ela disse-me o seguinte, lembro-me com se tivesse sido ontem “non ti priocupi Insolenti, Portogallo vai bateri la Litónia por 77-67 i la Croácia vai conseguire ganhare à espanha com un lançamenti tripli a trenes secundos de lo fin, Portogallo si vai apurari com una caga del todi tamanhi”.


Para a história recordar ficam as estrondosas e demoradas ovações que recebia após as actuações nomeadamente uma que se prolongou por mais de 12 minutos. Ao que parece, em vez de jantar quantidades abundantes de pasta o tenor alimentava-se dos espectadores que não demonstrassem o seu entusiasmo de forma particularmente efusiva, pelo que as longas salvas de palmas se tornaram uma constante.


Ficaram também famosos inúmeros duetos que proporcionou com diversas estrelas da música pop/rock. Actuou muitas vezes ao lado de nomes sonantes tais como os U2. Diz-se que antes de perder cerca de 30 quilos devido ao cancro no pâncreas e numa altura em que se encontrava particularmente obeso, Pavarotti chegou mesmo a actuar dos dois lados de Bono.


É verdade, Luciano Pavarotti faleceu depois de perder 30 quilos. Mas ao que parece e como qualquer anoréctico, sempre que se olhava no espelho via-se gordo.


Ora então um grande bem haja

14 comentários:

Pluma(princesavirtual) disse...

Mau ...mau já estou irritada...tinha escrito aqui um comentário extenso a dizer bem e mal de ti e foi tudo ao galheto...que coisa e tal eras louco e insolente, que me fazias rir até às lagrimas com alguns posts e que com outros ficava agoniada só de imaginar as imagens e blá blá....

Bem vindo Insolente :D

PS este post não comento pq gosto de Pavarotti e não consigo brincar com isso

Andesman disse...

Ora então, seja bem reaparecido! Claro que me recordo muito bem de Vossa Insolência. Vai um abraço acompanhado do prazer de voltar a contar com a «insolência» dos seus posts e das suas visitas.

João Paulo Cardoso disse...

Eis então o blog mais politicamente correcto da blogosfera!
É um prazer.

Gostei em especial da fase em que Pavarotti estava tão gordo que actuou dos dois lados de Bono. Genial!

Se tiveres tempo, vai até

http://oeldorado.blogspot.com

Pretende ser um blog bem humorado, mas há lá de tudo como na loja do chinês.

Só não consigo ser politicamente incorrecto como tu, porque as meninas que lá comentam chocam-se muito.

Incomoda-me um pouco, porque não tenho a certeza se todas elas têm airbags à altura...

Um abraço.

Tiago disse...

Paz à sua alma!

Continua com o prazer da Insolência, algo que também me excita muito!

Passa em:

Antitudo
e em
Pickles com Presunto

zé (do beco) disse...

Ah insolente duma figa. Acreditas que ainda há menos de uma hora me tinha lembrado de ti?
No último ano muita gente se foi embora e outros, como eu, umas vezes estou para lá, outras vezes estou para cá. Vou e venho conforme a brisa me leva.
A Elsita deu de "frosques " (ou meteu licença sem vencimento eheheh) e não aparece há uma porrada de tempo. O Castor, outra bela "prenda" que fazia rir a malta, deve ter ido nalguma enchente e nunca mais ninguém ouviu falar dele. A madacapricornio (do paciente português) embora estivesse mais virada para temas sérios, é uma perda irreparável (espero que provisória) pela qualidade da escrita. Eu próprio, que não fazia cá falta nenhuma, regressei há cerca de duas semanas, depois de uma primavera/verão um tanto ou quanto deprimente. Enfim, é bom voltar a "ver" caras conhecidas depois de tão longa ausência. Ainda para mais quando se trata da boa disposição a que nos tinhas habituado.
Esta do Pavarotti é a prova disso. Estava eu com receio que me aparecesse alguma donzela ofendida pela alusão ao gajo que se espalhou da Patagónia até ao hospital e venho encontrar uma destas. É preciso ser mesmo muito insolente para fazer humor com assuntos que a sociedade continua a considerar tabu. Mas na realidade, pela experiência que tenho, é nos velórios que se contam as melhores anedotas, que se ouvem os peidos das velhas… uma paródia. Desde que o velório não seja nosso eheheh.
Porra que isto está enoooooorme.
Abraços e podes sempre contar comigo para a palhaçada.

francisco disse...

Bem haja para ti também, caro Insolente.
Pois é claro que não vou dizer que ainda bem que voltaste, que a gente já tinha perdido a esperança de tornar a rir com uma verdadeira insolencia, que fazia falta o sonasol e a bolacha oreo ou mesmo que é pena o Pavarotti ter morrido pois assim perdeu uma boa gargalhada. Não, não é nada disso que quero escrever.
E quer o meu amigo saber o vim aqui escrever? Pois é uma boa pergunta, a que espero que dê insolente resposta.
Ora haja como muito bem lhe aprouver.

Alien David Sousa disse...

Ó insolente lol e eu que pensava que batia mal dos cornos!?
Estou a ver que encontrei outro pedaço da laranja...sim porque há muitos por aí que não jogam com o baralho todo. MAS ISSO FAZ DE NÓS MÁS PESSOAS? NÃO! Apenas avariadas dos cornos lol

Tomei umas notas.

"mas acima de tudo pelo recorde de lasanhas comidas em 25 minutos"

Acho que é realmente triste que a generalidade dos humanos não tenham conhecimento deste facto. Especialmente os Portugueses que pensam que o recorde é da SIMARA!



"Ao que parece, em vez de jantar quantidades abundantes de pasta o tenor alimentava-se dos espectadores que não demonstrassem o seu entusiasmo de forma particularmente efusiva, pelo que as longas salvas de palmas se tornaram uma constante."


Outra coisa que fizeste MUITO bem em divulgar. Estou farta que acusem os Aliens de raptos. As pessoas que têm desaparecido foram sim carne para o falecido Pavarotti. Que isto fique claro de uma vez por todas!


Enfim, muito mais poderia ser dito, mas o teu texto dá uma ideia bastante clara de como os terrestres andam mal informados.

Nenhum órgão de comunicação social mencionou a "vidente"...mencionou que o senhor iria bater as botas. É de lamentar!

Saudações alienígenas

*há pessoas que ficam na memória colectiva para sempre. E este comentário é a sério. R.I.P

Caiê disse...

Com que então reapareceste?! A verdadeira insolência era contares o que é que andaste a tramar este tempo todo, isso é que era.

Gui disse...

Insolente, é mesmo o nome que melhor se adapta ao teu estilo. Vou ficar cliente. No que respeita ao Pavaroti, não comento porque o admirava, porque era um ser humano extraordinário ao que se diz,e porque a morte de uma pessoa me merec algum recolhimento. Noutroa assuntos, estou aqui pronto a aplaudir a tua insolência. Um abraço

Sãozinha disse...

Um grande bem haja para si também!

pedro disse...

eu fikei xokado nao so pla morte dele, mas p so ter sabido um dia dp do seu funeral!! fikei mm enraivecido... pk apesar d kem m conhecer n axar, eu sp amei a carreira dele e seguia.a nao d uma forma constante mas sp atento... morreu o maior tenor do mundo..mais ng vai conseguir supera.lo ou iguala.lo..

soslayo disse...

Insolente:

Luciano Pavarotti continuará a ser para mim um dos maior tenores do Mundo pelo que guardo um momento de silêncio em memória desse grande artista que será difícil de colmatar a sua falta no mundo da música. Um abraço.

Mad disse...

Pois eu, que sou uma pessoa séria (vide o comentário do JP acima - sou uma das "meninas" que ele receia se melindrem...), não me aguentei e dei pelo menos 4 sonoras gargalhadas por causa do texto!

E agora vou rezar o terço para me penalizar...

Parabéns!

Musa disse...

Lol, tu parlare italiano?